sábado, 9 de abril de 2011

Versos de um amor perdido

Partiu
Ficou a casa, a solidão e o espanto
Deixou nos olhos da amada o pranto
Levou nos seus um seco e triste adeus

Foi
Seguindo em frente sem  olhar pros lados
Mas, não conseguiu esquecer o passado
E quis de volta tudo o que foi seu

Voltou
Tão certo que iria encontrar
Naquela casa sempre o seu lugar
Naquele peito os amores seus

Entrou
Não viu na porta aquele doce encanto
E dentro só um triste pranto
Naquela tarde seu amor morreu

Chorou
Ao perceber surpreso que a um canto
os olhinhos de um pequeno anjo
refletiam  a mesma dor dos seus.



A história que Catarina contou não me saiu da cabeça. Está aí, traduzida em versos.
Dedico a Judite e Everaldo, um amor que não pôde viver sua plenitude.



3 comentários:

  1. Retribuindo a visitinha!Adorei seu blog!!!
    Vou te indicar um outo meu, acho que vai gostar!!!
    beijos

    www.penseeinove.blogspot.com

    e claro continue acompanhando o

    www.innovareacessori.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Gostei do blog, ótimo conteúdo e template convidativo.

    Siga o meu tbm

    http://temtudomega.blogspot.com
    Dicas e downloads


    Ganhe dinheiro para fazer busca e ganhar dinheiro em seu blog http://www.wibi.com.br/cadastro/?amigo=88250

    ResponderExcluir
  3. Ain amiga que história triste. É verídica é?
    depois tu me conta, tu escreve divinamente e eu te amo. ♥

    http://cativameee.blogspot.com/

    ResponderExcluir